Liga ameaça sadinos com perda de pontos

Vitória de Setúbal 12-01-2019 10:51
Por João Pimpim

Ordenados em atraso, contas penhoradas, jogadores a recusarem assinar as certidões que viabilizam a inscrição de reforços neste mercado de janeiro. Em suma, inúmeros problemas a afetar o dia a dia do Vitória e que, apesar dos desmentidos oficiais da SAD sadina, A BOLA tem noticiado nos últimos dias.

 

A dramática novela que se vive no Bonfim é comum à que, época após época, afeta outros emblemas do futebol nacional e que, em Setúbal, não é um exclusivo da atual Administração. Ontem, porém, novo capítulo se juntou: a Liga, numa notificação oficial com o título «Infrações de Natureza Salarial» e assinada pela Diretora Executiva Coordenadora, Sónia Carneiro, informou a SAD do Vitória de que esta não cumpriu a obrigação de «entregar até ao dia 10 de janeiro de cada época os documentos comprovativos do pagamento das retribuições-base e compensações mensais (...) dos jogadores que integrem o plantel».

 

E continua: «Não tendo sido apresentada prova dos pagamentos aos jogadores do plantel e treinadores, presume-se estarem estas prestações em mora. (...) Assim, notifica-se a Vitória FC, SAD para, no prazo de dez dias contados da presente notificação [datada de ontem], fazer cessar a mora (...) sob pena de ser punida (...) com sanção de subtração de pontos a fixar entre um mínimo de dois e um máximo de cinco».

 

O Vitória, recorde-se, soma 18 pontos, cinco acima da primeira equipa abaixo da linha de água...

Ler Mais
Comentários (12)

Últimas Notícias