«O Marítimo está em coma»

Marítimo 29.09.2022 14:43
Por Orlando Vieira

O movimento 'Salvar o Marítimo', constituído por um grupo de sócios do clube e liderado pelo empresário madeirense Miguel Caires, entregou esta manhã, nos serviços administrativos do Marítimo, uma lista de 63 assinaturas de sócios verde-rubros a solicitar a convocatória de uma assembleia geral extraordinária para debater o atual momento da instituição e posteriormente discutir a destituição dos órgãos sociais.


Miguel Caires está preocupado com o momento atual do clube e não tem dúvidas que «o Marítimo está em coma». «Precisamos que os sócios percebam o que se passa e depois logo se verá o que o pensam», disse.


Questionado se será candidato à presidência do Marítimo na eventualidade de realizarem-se eleições antecipadas, o líder do movimento 'Salvar o Marítimo' referiu que há duas semanas que está «a equacionar essa possibilidade». «O meu objetivo é ter um clube forte. O Marítimo não pode é estar onde está hoje e onde esteve nos últimos anos, tem que estar um pouco mais acima.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias