Vítor Pereira lamenta derrota com ´plantel curto´

Corinthians 19.09.2022 08:36
Por Redação

Três dias depois de ter batido o Fluminense por 3-0 para chegar à final da Taça do Brasil, o Corinthians, do treinador português Vítor Pereira, caiu em casa do América Mineiro (0-1), em Belo Horizonte, para a jornada 27 do Brasileirão. O treinador lamentou mais uma vez que as mudanças que teve de fazer no onze devido ao cansaço tenham fragilizado a equipa.


«Na primeira parte não controlámos o jogo, o adversário foi mais forte, não conseguimos ter a bola, tivemos muitas dificuldades. Não estivemos em nosso nível. Na segunda parte, fizemos alterações, equilibrámos o jogo, não muito bem jogado, mas foi mais equilibrado. E sofremos um golo numa sequência de situações que não deviam acontecer, mas que aconteceram», explicou.


«A derrota é um espelho de termos feito um jogo de exigência grande há três dias, tivemos de preservar os jogadores, pois corremos riscos. Hoje não fomos capazes de dar a resposta à altura do jogo para vencer», justificou.


Fábio Santos, Gil e Balbuena foram poupados, Fagner ficou no banco e Renato Augusto, Yuri Alberto, Du Queiroz e Fausto Vera só entraram na segunda parte. Quanto a Cantillo, ausente, uma explicação maior para o ´castigo´: «Sabe porque é que o Cantillo não veio? Tive uma conversa com ele e tem que melhorar o comportamento nos treinos, ser mais competitivo. Tem de lutar pelo  seu espaço. Se for mais competitivo, melhorar os índices físicos, terá oportunidades.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias