Gilistas garantem empate na compensação (veja o resumo)

Liga 17.09.2022 17:46
Por Rui Amorim

O Rio Ave esteve perto de alcançar a primeira vitória fora na Liga, mas a reação final do Gil Vicente impediu esse desfecho. As duas equipas empataram a duas bolas no Municipal de Barcelos, num jogo pouco espetacular, mas que terminou com emoções fortes.


Os gilistas começaram melhor, com Mizuki e Fran Navarro a ameaçarem inaugurar o marcador. Contra todas as expectativas, foram os vila-condenses que chegaram ao intervalo na frente: cruzamento de Baeza ao segundo poste e finalização de classe de Guga, de primeira (45+5 minutos).


No segundo tempo manteve-se a tendência. Os homens da casa carregaram e Kevin viu Jhonatan parar uma bola com selo de golo. Na resposta, os visitantes foram mais eficazes e, numa saída em contra-ataque, Ukra convidou Aziz a aumentar a vantagem (71’), no segundo momento de perigo criado pela formação de Luís Freire.


Os minhotos reagiram e, aproveitando o desacerto da defesa contrária, exploraram a profundidade: a qualidade de Fran Navarro encarregou-se de reduzir a diferença (80’), com o espanhol a assinar um belo chapéu.


Já na compensação (90+5’) – e com o adversário reduzido a 10 homens, devido à expulsão de Guga –, uma bola despachada pela defesa forasteira para a marca de penálti permitiu a Murilo – regressado à competição ao fim de vários meses – encher o pé para rubricar o tento do empate.


Veja o resumo:


Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias