Gabriel Lopes derruba recorde com nove anos

Natação 13.08.2022 10:03
Por Miguel Candeias

Entrando em ação pela primeira vez no terceiro dia do 36.º Europeu de Roma, Gabriel Lopes começou da melhor maneira a participação no campeonato ao implodir o recorde nacional dos 200 bruços fazendo parar o cronómetro nos 2.11,92m. Marca que lhe atribuiu o quarto melhor tempo entre 30 participantes e colocou-o nas meias-finais desta tarde (18.04 horas).


O nadador olímpico do Louzan Natação detinha como máximo pessoal 2.13,64m, obtidos em julho durante os Jogos do Mediterrânio de Oran (Argélia), e o anterior recorde luso resistia há nove(!) anos, tendo sido fixado por Carlos Almeida (2.13,21) durante os Mundiais de Barcelona-2013.


O mais rápido das qualificações foi o checo Matej Zabojnik, com 2.11,16.


A marca de Gabriel deixa ainda no ar a expectativa de que também venha a cair o recorde nacional dos 200 estilos, prova que nadará terça-feira e a qual o levou aos Jogos de Tóquio no ano passado.


Esta manhã Portugal contou ainda com Rafaela Azevedo e Camila Rebelo nas eliminatórias dos 50 costas, onde a primeira foi 20.ª (28,78) e será primeira suplente para as meias-finais de logo e a segunda terminou no 23.º lugar (28,89) entre 35 nadadoras.


Rafaela, do Algés, é a recordista nacional com 28,24, e Camila, do Louzan, que ontem foi 5.ª classificada na final dos 200 costas, detém como melhor marca pessoal 28,82. 

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias