Eram só crianças no estádio, mas mesmo assim Kamara foi apupado

Liga Europa 01-10-2021 10:24
Por Redação

O médio finlandês Glen Kamara foi apupado durante quase o jogo entre o Sparta Praga e o Rangers, quinta-feira, para a Liga Europa. O cenário já seria preocupante por si só – embora recentemente comum – não fosse o facto de o público no estádio ser composto apenas por crianças cerca de 10 mil, com menos de 14 anos, permitidas depois de o clube ter sido condenado a jogar à porta fechada.

 

A história merece uma explicação mais prolongada:   há seis meses Kamara protagonizou uma discussão com Ondrej Kudela do Slavia Praga, que valeu ao defesa uma suspensão de 10 jogos pela UEFA, tendo mesmo falhado o Euro2020. Kamara receberia três jogos depois desses incidentes. O Estádio Letna estaria originalmente sem público neste jogo, devido a uma acusação separada de racismo contra o Sparta, depois de Aurelius Tchouameni, do Mónaco, ter sido alvo de abusos na temporada passada.

 

Porém a UEFA concordou em abrir as portas a um público na sua maioria de crianças de escolas de Praga, acompanhadas por alguns adultos, mas foi possível ouvir apupos sempre que o finlandês tocava na bola.

 

O treinador do Rangers, Steven Gerrard, lamentou: «Não me apercebi [dos apupos] porque estava concentrado no jogo. Se aconteceu fico extremamente desiludido, embora não surpreendido. Algo mais tem de ser feito, a nível de castigos, punições. Enquanto nada for feito a sério vamos continuar a ver estas coisas acontecerem.»

 

Kamara foi apupado a cada toque de bola e acabaria por ser expulso a 15 minutos do final. O Sparta venceu por 1-0.

 

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias

Mundos