«Colocámos em vigor o ADN Sporting»

Sporting 22-06-2021 20:38
Por Redação

Depois da Taça da Liga e da Taça de Portugal, entregues no passado mês de abril, estão já no Museu do Sporting os troféus relativos à conquista da Liga e da Liga dos Campeões de futsal.

 

Frederico Varandas, presidente do Sporting, foi o anfitrião da cerimónia que contou com a presença de jogadores e equipa técnica, os principais obreiros de uma «época histórica» para o emblema leonino.

 

«Estamos aqui para entregar ao Museu os troféus da segunda UEFA Futsal Champions League conquistada neste mandato e da Liga Placard, que reconquistámos. O título nacional foi o coroar de uma época histórica, pois este grupo conquistou tudo o que havia para conquistar com muito mérito dos verdadeiros artistas: treinadores e jogadores. Acima de tudo, isto é o resultado de termos conseguido colocar em vigor o ADN Sporting. Integrámos três jovens da formação no plantel, no qual estavam já outros, e é este o projeto que queremos: alicerçado na formação e visando sempre ganhar, mas garantindo a sustentabilidade do clube», salientou, citado pelo site do clube.

 

Nuno Dias, o timoneiro da nau verde e branca, destacou um «ano perfeito em que foram conquistadas todas as competições possíveis.»

 

«É sempre uma alegria para todos nós visitar o Museu Sporting com o objetivo de entregar os troféus conquistados. Conseguimos tudo isto com muito mérito, esta temporada foi fabulosa. Além disso, as visitas ao Museu foram-se sucedendo, o que é bom sinal», realçou, alertando desde já que «a próxima temporada tem de ser ainda melhor.»

 

«Quem cá está sabe que não podemos ficar por aqui. Ambicionamos ganhar outras competições, até porque esta temporada não houve Taça de Portugal nem Supertaça e queremos mais. Espero que na próxima época possamos continuar a visitar o Museu pelos mesmos motivos. Já estamos a pensar no regresso, mas primeiro vamos descansar», referiu.

 

Palavras corroboradas pelo capitão João Matos: «Não nos podemos agarrar ao que já conquistámos. Se na próxima temporada não formos bem-sucedidos na primeira competição, já ninguém se vai lembrar do que vencemos. O foco vai ser o mesmo de sempre: entrar para ganhar, seja em que prova for. Na próxima época não vamos fugir à regra. O que fizemos foi extraordinário, mas é passado. Agora é desfrutar do momento e recarregar baterias para regressarmos na máxima força.»

Ler Mais
Comentários (30)

Últimas Notícias