Roland Garros: Federer faz horas extra para passar mas não garante continuidade

Ténis 06-06-2021 08:28
Por Redação

Roger Federer teve de fazer horas extra - mais de três horas - para vencer o alemão Domink Koepfer, mas conseguiu chegar aos oitavos de final de Roland Garros já noite cerrada este sábado, embora não dê como certo que vá em frente

 

O jogar o terceiro torneio da época, após uma ausência de mais de um ano na sequência de duas cirurgias ao joelho direito, o suíço deparou-se com dificuldades e depois de um encontro de 3h35 minutos venceu em quatro sets por 7-6 (7-5), 6-7 (3-7), 7-6 (7-4) e 7-5.

 

Se não desistir, o suíço de 39 anos vai defrontar nos oitavos o italiano Matteo Berrettini, número nove mundial.

 

«Não sei se vou jogar, tenho de decidir se continuo a jogar ou não. Talvez seja demasiado arriscado continuar a pressionar o joelho, talvez seja bom momento para descansar», disse. 

 

«Em cada encontro tenho de reavaliar a situação e ver, na manhã seguinte, em que estado acordo e como está o meu joelho. Isso é talvez ainda mais verdade depois de uma partida tão longa como esta», reforçou.

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias