Estrela da Amadora assume «espanto» pela decisão do CD sobre Plata

Campeonato Portugal 26-03-2021 21:02
Por Redação

Em comunicado, o Estrela da Amadora insurgiu-se contra a decisão do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, horas após o organismo ter ilibado o Sporting de quaisquer culpas no 'caso Gonzalo Plata'. O clube lisboeta promete ir até às últimas consequências para ver feita justiça.

 

Comunicado na íntegra:

 

«O Estrela da Amadora SAD vem por este meio esclarecer toda a sua massa associativa das notícias que têm vindo a público nas últimas.

 

O Conselho de Disciplina da FPF decidiu a 19 de março de 2021 dar razão ao CS Marítimo por alegada utilização irregular de jogadores da sua equipa A numa partida frente ao FC Pedras Rubras, considerando que, apesar de se tratar da 20ª jornada do Campeonato, faltariam ainda 4 partidas para serem disputadas.

 

Com base nesta decisão, a SAD do Estrela da Amadora solicitou o parecer disciplinar ao mesmo Conselho de Disciplina pela utilização de um atleta do Sporting CP no último jogo disputado frente ao Oriental Dragon, onde faltariam as tais 3 partidas que o Conselho de Disciplina deliberou no primeiro caso.

 

Para espanto da nossa Sociedade Desportiva, a resposta foi que também neste ato, não existe ilícito.

O Estrela da Amadora defenderá sempre os interesses da sua cidade e de toda a sua massa associativa, não tendo como objetivo colocar em causa outras sociedades desportivas.

 

Não obstante, não nos podemos rever em decisões díspares para situações idênticas, com risco de se pôr em causa a verdade desportiva e regulamentar das competições.

 

Continuaremos, como sempre o que fizemos até aqui, a lutar pelos nossos interesses, assim sendo, isto não fica por aqui.
Os nossos objetivos desportivos continuam os mesmos, neste caso, com foco total nos 3 pontos da próxima jornada frente ao GD Fabril do Barreiro e conscientes de que estamos longe de ter ganho alguma coisa.»

 

 

Ler Mais
Comentários (13)

Últimas Notícias