Conceição: «Não existe cansaço mental no futebol»

FC Porto 05-03-2021 13:44
Por Redação

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, rejeita a ideia que no futebol exista cansaço mental e relembra os privilégios que todos aqueles têm na indústria do futebol.

 

«Nesta época de Covid e que se fala tanto da pandemia. Esse cansaço mental não existe. Cansaço mental é para as pessoas que estão doentes, para os familiares das pessoas que estão doentes e que morrem. Tanta gente com dificuldades para pagar as contas e comer. Aí é que é preciso força mental e atitude mental para não se quebrar e deixar ir. Agora, o futebol, jogadores, treinadores e dirigentes bem pagos, com vidas fantásticas e que aparecem todos os dias na televisão. Têm tudo à disposição, têm o privilégio de fazer aquilo que gostam e são bem pagos. Tenho algumas dificuldades em entender esse cansaço mental. Em qualquer viagem vamos num charter, que é um avião só para nós, temos um autocarro à nossa espera e com todo o conforto. Vamos para hotéis de topo. Temos um clube com este símbolo, que merece todo o respeito do mundo e que nos permite estar na melhor competição do mundo, que é a Liga dos Campeões. Quem tiver cansaço mental não pode representar o FC Porto. Cansaço físico pode existir. O Pepe jogou debilitado e acabou a mancar. Fisicamente é terrível, porque é um campeonato anormal, mas temos de superar isto. Nesse aspeto, os jogadores com menos minutos têm de estar no máximo», defendeu o técnico azul e branco, em conferência de imprensa.

Ler Mais
Comentários (31)

Últimas Notícias