Dragão em Manchester com alerta máximo

Liga dos Campeões 21-10-2020 11:33
Por Redação

Poucas horas após a chegada do FC Porto, Manchester recebeu notícia esperada, mas indesejada: Boris Johnson anunciou que a Grande Manchester entrará, a partir de meia-noite de sexta-feira, no nível de 3 de restrições, o mais elevado do plano para travar o aumento de casos de Covid-19 no Reino Unido.

 

«Dada a situação de saúde pública, tenho de decretar o nível de alerta mais alto para a Grande Manchester. Não agir agora seria colocar a vida de muito habitantes de Manchester em risco», justificou o primeiro-ministro britânico numa declaração ao país.

 

Uma decisão que vinha a ser negociada desde há uma semana com os responsáveis locais, sempre com a oposição do mayor Andy Burnham. «Isto não é forma de gerir uma crise nacional», disse, lembrando que a pandemia atacou o Norte de Inglaterra «de forma mais dura» que outros locais do país devido «à pobreza enraizada» naquela zona.

 

Boris Johnson assegurou um apoio económico de 22 milhões de libras (cerca de 24,2 milhões de euros) para a região. «Não é suficiente para proteger as pessoas mais pobres da nossa comunidade», defendeu Andy Burnham, acrescentando que seriam precisos, pelo menos, 65 milhões de libras (cerca de 71 milhões de euros) para impedir o aumento «dos níveis de pobreza, dificuldades e os números de sem-abrigo» face às medidas restritivas.

 

O nível 3 de restrições obriga ao encerramento de pubs e cafés e impede pessoas de diferentes agregados familiares de se juntarem em espaços fechados ou no exterior. Os ajuntamentos ficam limitados a um máximo de seis pessoas e viagens são totalmente desaconselhadas.

 

Nas últimas 24 horas, o Reino Unido registou 21,330 novos casos de Covid-19 e mais 241 mortos, aumentando para 43,967 o número de óbitos, o mais alto na Europa.

 

A comitiva do FC Porto está desde a tarde de terça-feira em Manchester, onde defronta esta quarta-feira (20 horas) o City, na abertura da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Ler Mais
Comentários (48)

Últimas Notícias