Mahafil prioriza valorização do património na celebração dos 105 anos

Moçambola 09-10-2020 13:04
Por Álvaro da Costa, Maputo

O Grupo Desportivo Mahafil, colectividade mais antiga da cidade da cidade de Maputo, completou a 5 de Outubro 105 anos. Em mais um aniversário o clube centenário tratou, através do seu presidente Nazir Issufo, as metas para um futuro que se espera brioso para os amarelos e vermelhos, tendo apontando a modernização das infraestruturas como prioridade. 

 

«Estamos focados na valorização do património por forma a tornar o clube cada vez mais auto-sustentável, cientes que os novos desafios acarretam elevados custos», disse Nazir Issufo. De notar que neste momento decorrem, numa área próxima ao campo de futebol, obras para construção de um centro comercial, que terá lojas de conveniência, um centro de conferências e um salão de festas.

 

Concluída esta etapa, a próxima passará pela ampliação das bancadas. Saliente-se que esta nova fase de obras vem dar seguimento aos trabalhos já realizados , que comprenderam a colocação de relva natural, renovação dos balneários das equipas, dos árbitros e do público, e ainda a criação de uma sala de primeiros socorros , de troféus e de serviços administrativos.  É neste diapasão, com bases sólidas, que o clube com longos anos de história pretende a breve trecho atacar a inedita subida ao Moçambola-2021/2022. 

 

Refira-se que do ponto de vista desportivo, o Mahafil , treinado por Zainadine Mulungo, pai de Zainadine Jr (jogador do Marítimo de Portugal), está igualmente no bom caminho tendo em 2019 ascendido à Divisão de Honra. 

 

"Desportivamente pretendemos fazer parte da elite do futebol nacional, as bases estão criadas, campo relvado e infra-estruturais necessárias e com o licenciamento atribuído fazemos parte dos poucos clubes que preenchem esses critérios e requisitos", frisou. 

 

Refira-se que o Mahafil é um dos clubes já licenciados na Federação Moçambicana de Futebol (FMF) , tendo cumprido com todos os requisitos e por isso tem "carta branca" para participar em provas oficiais sob a égide da FMF e da Liga Moçambicana de Futebol (LMF).

 

 

Ler Mais

Últimas Notícias

Mundos