Benfica «não era a primeira escolha» de Vertonghen, mas Mourinho ajudou

Benfica 15-08-2020 21:03
Por Redação

Tom de Mul, empresário de Jan Vertonghen, revelou que o Benfica não era a primeira opção do central belga, explicando o processo até o jogador aceitar a mudança para Lisboa, onde considera que poderá continuar a ser relevante para a seleção belga.

 

O defesa de 33 anos acabou por escolher a Luz porque viu que foi tratado como uma prioridade, ganhando assim o Benfica a corrida a clubes italianos. «Correu tudo bem. O contacto com o director-geral Tiago Pinto e com o director técnico Rui Costa foi de algumas semanas. “É certo que o Benfica não foi inicialmente a primeira opção de Jan, mas aos poucos ele começou a pensar cada vez mais nisso. O Benfica fez bem em convencê-lo, porque havia outros clubes interessados. O Benfica fez do Jan uma prioridade. Oferecem-lhe estabilidade e continuidade, especialmente com o contrato de 3 anos. Isso é crucial nesta fase da carreira dele. Houve contactos com clubes italianos como Roma, Inter e Nápoles, onde a certa altura se tornou muito concreto, mas os três anos de contrato foram muito importantes, tal como o facto de poder disputar troféus na Champions ou seguramente na Liga Europa. A vida para a mulher e os filhos em Lisboa será também muito agradável», explicou em declarações ao jornal belga Sporza.

 

Papel relevante para a mudança do agora camisola 5 teve também o ex-treinador José Mourinho, com de Mul a falar também em conversas com o compatriota Axel Witsel: «Witsel falou apenas de coração sobre o clube e foi muito positivo sobre o Benfica. Isso teve certamente um papel na escolha José Mourinho também. Mourinho foi super positivo em relação ao Benfica.»

Ler Mais
Comentários (59)

Últimas Notícias

Mundos