Rúben Amorim pede Paulinho

Sporting 08-08-2020 09:22
Por Mário Rui Ventura

Paulinho, avançado português de 27 anos do SC Braga, é um nome que há muito faz parte da lista de jogadores referenciados pelo Sporting mas agora, desde a chegada de Rúben Amorim ao comando técnico dos leões, passou a ser o desejo número 1 para reforçar o ataque da equipa de Alvalade.


O treinador do Sporting, contratado precisamente ao SC Braga, fez saber, desde logo, da sua vontade em poder vir a contar com alguns dos jogadores com os quais trabalhou no Minho, indicando o guarda-redes Matheus, o lateral-direito Ricardo Esgaio e, claro, o avançado Paulinho. A primeira abordagem leonina, conforme A BOLA noticiou oportunamente, esbarrou na intransigência do SC Braga em negociar abaixo das respetivas cláusulas de rescisão.

 

Depois, face à análise que foi fazendo ao plantel do Sporting, e também perante as movimentações da administração da SAD no mercado, com as contratações de Adán (Atlético Madrid) para a baliza e Porro (Manchester City) para a lateral-direita, Rúben Amorim reduziu o pedido para um só nome: Paulinho.

 

O desejo de Rúben Amorim, aliado também à vontade do Sporting, que já na reabertura do mercado, em janeiro, tinha demonstrado interesse no avançado de 27 anos do SC Braga, esbarra agora na posição intransigente de António Salvador, presidente do clube minhoto, em voltar sequer a reunir-se com os dirigentes sportinguistas. Depois do Sporting ter contratado Rúben Amorim, pelo valor inscrito na cláusula de rescisão, mas até agora não ter pagado um cêntimo dos 10 milhões mencionados, a que acrescem agora os juros, o presidente do SC Braga, tal como A BOLA revelou, deu a conhecer a sua posição de força à administração leonina aquando da mudança de Jorge Vital, treinador de guarda-redes, de Braga para Alvalade, em fim de contrato: não há mais conversas com o Sporting, nem sequer respostas a ofertas. Toda e qualquer proposta oriunda de Alvalade, fez saber Salvador, só será recebida se nela constar o pagamento do valor integral das respetivas cláusulas de rescisão - no caso de Paulinho, vinculado até 2023, são €30 M.

 

Leia o artigo completo na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (191)

Últimas Notícias

Mundos