Quatro anos sobre o dia histórico de Paris e do pontapé de Éder (vídeo)

Seleção 10-07-2020 08:26
Por Redação

A 10 de julho de 2016, faz esta sexta-feira quatro anos, os portugueses entraram em êxtase: a Seleção Nacional, através de um golo histórico de Éder, sagrava-se campeã da Europa. Era o maior feito de sempre do futebol português.

Portugal não teve início brilhante com empates frente à Islândia (1-1), Áustria (0-0) e Hungria (3-3). Seguiram-se, na fase a eliminar, a vitória sobre a Croácia (1-0), o triunfo perante a Polónia no desempate por grandes penalidades (1-1, 6-5) e, na meia-final, o afastamento de Gales (2-0).

Quatro dias depois de ter carimbado a passagem à final, chegava o reencontro com a França. A quem não ganhava/empatava desde 26 de abril de 1975. Ou seja, há mais de 41 anos. Difícil? Sim. Impossível? Não. E a Seleção Nacional, nesse 10 de julho histórico, com o mais inesquecível dos inesquecíveis golos do futebol português, derrotou a França por 1-0. Com dez jogadores no plantel que, dois anos depois, seriam campeões do Mundo na Rússia: Griezmann, Matuidi, Lloris, Kanté, Giroud, Pogba, Umtiti, Mandanda e Rami. Foi há quatro anos.
 

Clique na imagem em cima para ver o vídeo.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (11)

Últimas Notícias

Mundos