Rashford ajuda crianças de Manchester

Inglaterra 31-03-2020 11:08
Por Redação

Marcus Rashford, atacante de 22 anos do Manchester United, está a ajudar a FareShare, empresa do Reino Unido que combate a fome através da canalização dos desperdícios alimentares para quem mais necessita. O companheiro de Bruno Fernandes participou ontem, por videoconferência, no programa BBC Breakfast, da principal cadeia televisiva britânica, contando o processo:


«Ajudar as crianças [de Manchester] é muito importante para mim e estou a tentar fazer algo para as gerações futuras», começou por dizer Rashford. «Tenho estado a trabalhar com crianças e, quando ouvi que havia escolas a fechar, percebi que muitas delas passariam a não ter comida», frisou.


O número 10 do Man. United recordou os seus tempos de criança: «Quando eu estava na escola, tinha refeições gratuitas e a minha mãe só chegava a casa por volta das 18 horas, por isso a minha refeição seguinte era às 20 horas. Tive sorte, reconheço. Há miúdos em piores condições de vida, que não têm nada para comer em casa».


Rashford adiantou ainda que o trabalho que está a realizar com a FareShare ajudou a angariar 100 mil libras (115 mil euros) para alimentar cerca de 400 mil crianças da região de Manchester.


A terminar a conversa desvendou um pouco do seu dia-a-dia: «Há que ter paciência. Tenho trabalhado muito em cima da bicicleta estática e estou a seguir o programa que o clube me entregou. Jogo FIFA, leio livros e revejo jogos antigos. Tenho lido muitos sobre questões relacionadas com a mente, porque na minha profissão a cabeça é um dos pontos essenciais. É importante manter vibrações positivas e continuar a sorrir.»
 

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (0)

Últimas Notícias