Luis Díaz vai parar pelo menos um mês

FC Porto 11:33
Por Redação

A noite europeia foi para esquecer mas os azuis e brancos não podem apenas lamentar a fraca exibição, o péssimo resultado diante do Bayer Leverkusen e a inevitável eliminação da Liga Europa. Numa altura em que a discussão do jogo frente à formação germânica ainda estava em aberto, com o resultado a assinalar 0-1, surgiu mais uma má notícia para Sérgio Conceição: decorria o minuto 29 quando Luis Díaz teve uma arrancada em velocidade pelo corredor direito e, já no meio-campo contrário, ficou agarrado à coxa direita. Os alarmes foram acionados e logo nesse momento se percebeu que era o fim da linha para o extremo colombiano nesta partida.

 

Substituído de imediato por Nakajima, o jogador abandonou o relvado pelo próprio pé, acompanhado pelo responsável da equipa médica dos dragões, ficando ontem clarificada a sua condição clínica. Tal como apontavam todos os indicadores, Luis Díaz sofreu uma rotura muscular na face posterior da coxa direita, lesão que o afastará dos relvados por um período nunca inferior a um mês.

 

Ou seja, é garantido que o atacante não estará presente nos quatro desafios agendados para o mês de março, um ciclo que começa com a visita aos Açores já na segunda-feira e culmina com a receção ao Marítimo, no dia 22 (pelo meio há ainda os jogos com o Rio Ave, em casa, e o Famalicão, fora).

 

É, sem dúvida, uma baixa importante para o FC Porto. Luis Díaz é um dos jogadores mais utilizados no plantel e nos 39 jogos realizados apontou 12 golos, um registo interessante para um futebolista de apenas 23 anos e que vive a sua primeira experiência no futebol europeu. Titular nos últimos compromissos dos dragões, terá agora de ceder o seu lugar, com o japonês Nakajima a assumir-se como principal candidato à vaga no onze.

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Ler Mais
Comentários (4)

Últimas Notícias