Bruno Duarte ganha nova vida

Vitória de Guimarães 14-02-2020 08:26
Por Paulo Montes

De regresso à titularidade depois de mais de dois meses fora da equipa inicial de Ivo Vieira, Bruno Duarte pode ter reconquistado o seu espaço na sequência do triunfo em Famalicão, na jornada transata, para o qual até contribuiu com um tento e três assistências.


O avançado brasileiro 23 anos perdeu o lugar na frente de ataque com a entrada em cena de Léo Bonatini, outro reforço de início de temporada, cedido pelos ingleses do Wolverhampton, e passou a ser aposta mais ocasional, surgindo aqui e ali como suplente utilizado.


Com a quebra de rendimento do compatriota, Bruno Duarte recebeu ordem para atuar, já recentemente, aos 74 minutos da partida com o Boavista, no Bessa, que os minhotos perderiam, por 0-2. Mas o trabalho do ponta de lança terá agradado ao treinador, que nele insistiu dias mais tarde, em Famalicão, com o desfecho que muitos adeptos ainda hoje recordam: uma goleada por 7-0.


Face ao comportamento da equipa nesse confronto, Bruno Duarte volta a entrar nas contas de Ivo Vieira, tal como os demais parceiros nessa tarde de sucesso, dado não haver razão aparente para que surjam alterações na equipa. Quanto aos golos de que qualquer avançado carece para a sua subsistência, o brasileiro recrutado ao FC Lviv, da Ucrânia, conta agora um total de seis, três dos quais na Liga, dois na Liga Europa e um na Taça da Liga. Um registo idêntico ao do concorrente direto, Bonatini, que tem mais uma presença em partidas oficiais para o mesmo número de golos.


Perante este cenário de grande equilíbrio nas respetivas fichas, mas fazendo certamente também valer o facto de a equipa vir agora de uma exibição de gala, tudo aponta, portanto, para a continuidade de Bruno Duarte como homem em cunha. Será ele a referência primeira para o golo no embate com o FC Porto, no domingo, às 17.30 horas.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias