«Todos são importantes neste combate»

Futebol de Praia 07-04-2020 13:20
Por Redação

Tiago Batalha, jogador de futebol de praia, internacional pela Seleção Nacional, que conta com passagens por Sporting, SC Braga, Nacional, Nápoles, Chargers Baselland, entre outros, é enfermeiro nas Urgências do Centro Hospitalar de Leiria e na Clínica do Sítio, na Nazaré. 
 

O fixo, de 30 anos, além das conquistas na areia (medalha de bronze nos Jogos Europeus em Baku 2015 e de prata nos Jogos do Mediterrâneo 2019), vê-se por estes dias envolvido noutra luta: o Covid-19. Em entrevista ao site da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) falou sobre as preocupações com a pandemia.    

 

«Até ao momento ainda conseguimos ter as coisas mais ou menos controladas. No Serviço de Urgência,  há uma área de contingência onde estão pessoas com sintomas e onde é feito o diagnóstico. Dependendo da situação, as pessoas começam o tratamento e são encaminhadas para casa ou, em casos mais graves, são internadas. Em Leiria temos dois espaços: um onde se tratam os casos suspeitos ou confirmados com covid-19 e outro onde é feito o tratamento de todas as outras situações, isto porque o Mundo não pára», contou. 


Fazendo o paralelismo com o futebol de praia, Batalha considerou que estes são momentos de jogar à defesa: «Aconselho muita calma e paciência. São tempos difíceis, ninguém está habituado a isto, a estar em casa e ter as saídas controladas. A solução vai passar por todos, não só aqueles que estão na 'linha da frente'. Todos são importantes neste combate. Estamos cá para ajudar quem precisa, mas quem está de fora tem um papel muito importante para evitar a propagação. Fazendo um paralelismo com o futebol de praia, temos de jogar um pouco na defensiva. Os que estão na linha da frente, a partir do momento em que é diagnosticada a infeção, temos de atacar com toda a força.»

Tiago Batalha falou ainda da situação em Itália, onde representou o Nápoles durante quatro temporadas: «Tenho estado em contacto com alguns antigos companheiros e as coisas, na região sul, têm estado mais ou menos controladas. Existe uma energia positiva entre nós e é bom sentir que estamos juntos. Temos de nos agarrar às coisas positivas.»

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos