PSP identificou envolvido em outro ato de agressão na noite dos festejos do título

Porto 18-05-2022 12:09
Por Redação

A PSP do Porto revelou que identificou um dos envolvidos num novo vídeo de agressões registado a 8 de maio, durante os festejos do título do FC Porto.

 

As agressões aconteceram em cima de um contentor de apoio à claque Super Dragões e é paralelo ao esfaqueamento mortal que ocorreu na mesma noite de Igor Silva, pelo qual Renato Gonçalves, filho de Marco Gonçalves, conhecido como Orelhas, número 2 dos Super Dragões, está detido preventivamente.

 

As agressões ficaram registadas num vídeo que circulou nas redes sociais – e foi também divulgado pela CMTV, com a PSP do Porto a esclarecer, em comunicado divulgado esta quarta-feira, que «a ocorrência envolveu vários cidadãos em desordem» e «foi identificado um dos cidadãos envolvidos», tendo o assunto sido remetido ao Ministério Público.

 

De acordo com o Correio da Manhã, nas cenas em cima do contentor, esteve envolvido Gonçalo Madureira, 21 anos, filho de Fernando Madureira, líder da claque, e o seu futuro cunhado.

 

Eis o comunicado da PSP:

«A propósito do vídeo com imagens a circular nas redes sociais e nos Órgãos de Comunicação Social relativas a uma ocorrência que envolveu vários cidadãos em desordem, registada cerca das 02H00, do dia 08 de maio, junto de um contentor de apoio de um grupo organizado de adeptos nas imediações do Estádio do Dragão, por ocasião dos festejos da conquista do campeonato de futebol, vem a Polícia de Segurança Pública informar que, no decurso das diligências policiais realizadas pelo dispositivo presente no local, foi possível proceder à identificação de um dos cidadãos envolvidos, tendo sido elaborado Auto de Notícia remetido junto do Ministério Público.»

Ler Mais
Comentários (19)

Últimas Notícias