«Estás sempre no meu coração» - palavras de Nelo Vingada para Carlos Queiroz

Futebol 21-06-2021 23:30
Por Nuno Perestrelo

Separados por carreiras em que cada um seguiu o seu caminho depois do sucesso conjunto, Nelo Vingada e Carlos Queiroz sentaram-se hoje apenas separados pelas cadeiras que o distanciamento obrigatório determina. Na Faculdade de Motricidade Humana, onde começaram juntos caminhada de sucesso sem par no futebol de formação em Portugal, Vingada e Queiroz voltaram a estar unidos e com o mesmo brilho de outrora nos olhos.

 

«Carlos Queiroz, estás sempre no meu coração», assim concluiu Nelo Vingada uma intervenção na apresentação do livro A Geração de Ouro, editado pelo Lisbon International Press e escrito por Hugo Sarmento e Duarte Araújo.

 

«Podemos dizer que antes de Carlos Queiroz o futebol em Portugal era uma coisa e depois dele tornou-se outra. Este é um reconhecimento que ele merece», disse, deixando claro que o que melhor fala pelo amigo são «os títulos», que apontou como «reconhecimento factual».

 

Prova de que a amizade nunca se diluiu, nem com o afastamento dos respetivos percursos profissionais, recordou o que disse quando Queiroz foi contratado para selecionador nacional a tempo do Mundial-2010. «Na altura pediram-me uma opinião e eu disse que com ele Portugal estava de volta ao futuro, back to the future foi como disse.»

 

Viajando no tempo até às origens do projeto que ambos desenharam ainda nos bancos da faculdade, brincou dizendo que «há outro livro com histórias que ninguém vai poder escrever», e admitiu que a realização de torneios interassociações se tornou a galinha dos ovos de ouro do futebol jovem em Portugal: «os melhores jogadores passaram a vir ter connosco, o que era importante pois por vezes não era fácil andar a procurá-los.»

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias