Vacinação de crianças caiu 13% e Graça Freitas apela: «Vacinem, não queremos outros surtos»

Saúde 26-04-2020 14:23
Por Redação

A Directora-Geral de Saúde, Graça Freitas, alertou para a necessidade de não interromper a vacinação de crianças de acordo com o programa nacional, em particular no primeiro ano de vida.

 

No mês de março houve uma quebra de «cerca de 13%» na vacinação no mês de Março, pois as pessoas tiveram medo de ir aos centros de saúde. Apesar de essa quebra ter sido recuperada em Abril, a directora-geral da saúde apelou aos pais para não atrasar as datas.

 

2018 e 2019 «foram anos extraordinariamente bons, nunca tivemos taxas de vacinação tão elevadas», disse, razão pela qual «Portugal não tem surtos de doenças como sarampo ou meningite». «Mas não podemos deixar de nos vacinar. Vamos evitar que, sob uma epidemia de covid, para o ano tenhamos outros surtos».sublinhou a directora-geral de saúde, sublinhando o agendamento no centro de saúde, não ficando muito tempo em salas de espera.

Ler Mais

Últimas Notícias