Miguel Silva campeão nacional de Pool PT

Bilhar 23-06-2022 14:37
Por António Barroso

O madeirense Miguel Silva (Academia de Bilhar Miguel Silva, Funchal) sagrou-se campeão nacional 2021/22 da variante do bilhar mais praticada e com mais federados no nosso País, o Pool Português (PT), ao vencer na final da prova, organizada pela Federação Portuguesa de Bilhar (FPB) e que decorreu nas Termas do Bicanho, em Soure, João Barbosa (Boavista) por 6-2.

 

Durante a Fase Final da competição, que decorreu entre os dias 17 e 19 do corrente mês de junho, Miguel Silva - que se sagrou campeão nacional desta variante nacional do bilhar e do pool (em mesas mais pequenas) pela quarta vez! - desembaraçou-se de Bruno Fumega (Boavista) nas meias-finais, ao vencer por 6-3.

 

Na fase de grupos – que reduziu o naipe de atletas de oito para apenas quatro -, e colocado na Série 1, para se apurar rumo aos quatro melhores, Miguel Silva perdera com o mesmo João Barbosa na ‘negra’ (4-5) mas triunfou sobre Eurico Gil, do Grupo Desportivo de Odeceixe (5-0), consumando a apuramento para as meias-finais ao vencer o axadrezado Samuel Santos com outra ‘limpeza’ (5-0).

 

Na véspera, e na Fase Intermédia da prova, Miguel Silva suplantara Valério Jerónimo (GD Odeceixe) por 5-3. Seguiu-se Rui Batalha, também do GD Odeceixe, que não resistiu ao madeirense: 1-5. Jogo grande na ronda seguinte, ante o vencedor da Taça de Portugal, João Grilo (FC Paços de Ferreira), e novo concludente triunfo do atleta insular: 5-1!

 

A única derrota de Miguel Silva no primeiro dos três dias de jogos nas Termas do Bicanho aconteceu ante Manuel Pereira (Académica de Coimbra), e apenas na ‘negra’ (4-5).

 

Mas pelas repescagens, e graças a uma nova vitória sobre Severino Pinho (Clube de Bilhar Pedro Grilo, do Porto) por 5-3, Silva seguiu para os quatro melhores, onde acabou por triunfar e uma vez mais provar, como se necessário fosse, que é um dos maiores especialistas lusos nesta variante do bilhar: em três dias a jogar, acumulou apenas duas derrotas em dez jogos (oito vitórias) e conquistou o cetro.

 

Fernando Oliveira e Vítor Lopes vencem 2.ª e 3.ª divisões

 

Na 2.ª divisão, título nacional para Fernando Oliveira (Clube de Bilhar Paparugui, Ermesinde), que bateu na final por 6-4 João Carvalho (FC Paços de Ferreira). Antes, Fernando Oliveira venceu nas meias-finais Tiago Pimenta (Orange Pool Club, Mafra) por 6-1.

 

Na 3.ª divisão, o campeão nacional de 2021/22 é Vítor Lopes (New Academy), após bater na final da competição, jogada nos mesmos dias nas Termas do Bicanho, Manuel Costa Pereira (Casa do Benfica do Algueirão/Mem Martins) por 6-1. Nas meias-finais, Vítor Lopes desembaraçara-se de Miguel Guimarães (AD Bilharsinde) na ‘negra’, por 6-5.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos