Neymar declara apoio a Bolsonaro, mas para votar terá de ir ao Brasil antes do jogo com Benfica (vídeo)

Brasil 29.09.2022 22:14
Por Redação

Neymar está no centro de uma polémica no Brasil. Esta quinta-feira, o avançado de 30 anos colocou um vídeo nas redes sociais onde demonstra apoio a Jair Bolsonaro, atual presidente que vai tentar a reeleição frente a Lula da Silva.



Contudo, para a dança de Neymar se traduzir em voto, o jogador terá de fazer uma viagem relâmpago ao país natal. É que, de acordo, com o UOLesporte, o internacional canarinho não transferiu o título de eleitor do Brasil para a Europa e está impedido de votar de acordo com a lei em vigor.


O PSG tem um jogo agendado para sábado diante do Nice (20 horas), o que deixa o jogador livre para domingo. Contudo, o emblema parisiense teria de autorizar uma viagem de 12 horas, isto enquanto a equipa começa a preparar o duelo com o Benfica (quarta-feira, 20 horas), a contar para a terceira jornada do Grupo H da Liga dos Campeões.


Recorde-se que no Brasil o voto é obrigatório para os maiores de 18 anos. Quem falhar a ida às urnas em três eleições consecutivas fica impedido de vários direitos, entre os quais a renovação do passaporte.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias