Abel não esconde desagrado: «Espero não ter de responder sempre à mesma pergunta»

Palmeiras 12:50
Por Redação

Depois de um ano em que encantou os adeptos do Palmeiras com a conquista da Taça do Brasil e da Libertadores, Abel Ferreira tem sido alvo de algumas críticas no arranque da nova época. Depois do triunfo diante do Guarani (2-1), o treinador português foi novamente confrontado com a implementação do novo sistema com três centrais, que tem sido apelidado de conservador, e não escondeu o desagrado.

 

«Espero não ter de responder sempre à mesma pergunta. Quanto cheguei, atuava com uma linha de quatro e nunca me perguntaram porque estavam quatro defesas. Para mim, esta é uma pergunta muito limitadora para quem vê futebol. Não olho ao 3x4x3, 4x4x2 ou ao 4x3x3, olho para a dinâmica. Para mim, o futebol é dinâmica, não números. Quer jogue com três centrais, ou dois médios defensivos, a intenção vai ser sempre montar uma equipa para ganhar», asseverou.

 

Por último, Abel Ferreira valorizou a aposta nos jogadores mais jovens durante o campeonato estadual.

 

«Gostava que valorizassem a aposta que estamos a fazer na juventude. Estamos a encontrar oportunidades de eles vestirem este símbolo, que é pesado e que tem uma cor bonita. Eu gosto do verde e digo-lhes para jogarem com prazer, alegria e responsabilidade», concluiu.

Ler Mais
Comentários (4)

Últimas Notícias