«Ainda temos mais dois jogos para sermos campeões»

Moçambique 25-10-2021 21:01
Por Álvaro da Costa, Maputo 

Apesar da derrota diante do Ferroviário de Lichinga (0-1) ter tirado a hipótese dos Black Bulls terem conquistado o título de campeões de Moçambique no passado domingo, o treinador português Hélder Duarte mantém-se tranquilo.

«Os objetivos continuam a ser os mesmos. Continuamos na frente. Faltam dois jogos e estamos tranquilos. Não temos grande preocupação com o próximo, que é contra o Ferroviário da Beira. É mais um jogo , igual ao do Ferroviário de Lichinga.  Sabíamos que se vencêssemos seríamos campeões. Não aconteceu. Mas se ganharmos já na próxima jornada iremos conquistar na mesma o título e mesmo que as coisas não corram bem teremos mais um jogo [última jornada] para vencer e atingir o nosso objetivo. Portanto, temos uma margem de erro muito grande para sermos campeões», realçou Hélder Duarte. 

 

Sobre as incidências do jogo com o Ferroviário de Lichinga, o treinador considerou que a sua equipa pagou caro pela ineficácia em muitos momentos do encontro: «Foi um jogo repartido. O Ferroviário de Lichinga entrou melhor teve algumas situações para marcar, mas a partir daí, tomámos conta do jogo e tivemos inúmeras situações para marcar, mas devido à ansiedade dos miúdos não conseguimos materializar essas oportunidades em golo. E numa transição eles marcaram. O futebol é isto, vence quem marca.»

 

Quando faltam duas jornadas para o fim do Moçambola,  os Black Bulls comandam com 54 pontos, seguidos pelo Ferroviário da Beira, com 50. As duas equipas defrontam-se, no próximo domingo, sendo que um empate basta para aa equipa de Hélder Duarte sagrar-se campeão no ano de estreia no principal escalão do futebol moçambicano.

Ler Mais

Últimas Notícias