Girabola parou, mas Ézio ainda jogou

Angola 22-03-2020 12:08
Por Rafael Reis

A tarde deste Sábado representou o último momento de competição de mais um futebolista português cuja actividade passará agora a estar em suspenso: Ézio Pinto representou o Rec. Libolo, que foi derrotado pelo Interclube (2-0).

 

Depois de ter cumprido, uma vez mais, os 90 minutos no lado esquerdo da defesa, Ézio relatou A BOLA o clima de tranquilidade que se vive no clube que representa, no próprio país e no seu panorama desportivo. 

 

"O futebol angolano está a atravessar um momento positivo, mas pode melhorar e muito. Em Calulo, onde está situado o nosso 'quartel-general', as coisas são tranquilas. É uma província muito calma, sem muito movimento em relação a capital (Luanda)," caracterizou o esquerdino. 

 

Com parte da sua formação cumprida no Sporting, Ézio descreveu o Libolo como "um sítio tranquilo para trabalhar pois uma vez que não tem muitas

'distrações', acabas por ficar mais focado."

 

"O jogo foi à porta fechada, por exemplo, mas devido à situação que o Mundo está a atravessar, a Federação Angolana de Futebol decidiu parar as competições por um prazo de 15 dias," confirmou, concordando com a decisão. 

 

Ainda assim, o lateral sabe que esta suspensão irá prejudicar o seu momento actual. Todavia, será em prol de um bem maior: "a mim pessoalmente não ajuda, pois já estou a vir de uma boa série de jogos".

 

"A minha condição física e mental está a melhorar de jogo para jogo. E com esta paragem... enfim, é saúde, é um bom motivo. Aqui ainda não está a sentir-se muito ainda o Covid-19," conclui, esperando que a paragem seja curta. 

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Ler Mais

Últimas Notícias