Camarões, Costa do Marfim e Malawi: «Não tememos ninguém», diz Zainadine Jr.

Moçambique 27-01-2020 13:32
Por Alexandre Zandamela, Maputo

O sorteio da fase africana de qualificação para o Campeonato do Mundo de Futebol Qatar-2022 colocou Moçambique num grupo extremamente difícil, tendo como adversários os colossos Camarões e Costa do Marfim, para além do vizinho Malawi.

 

De acordo com o regulamento desta próxima etapa de apuramento, apenas o primeiro classificado de cada grupo transita para a última fase, isto é, aquela que definirá os representantes de África no Mundial do Qatar.

 

Depois de Luís Gonçalves, o seleccionador nacional, ter afirmado tratar-se de um grupo (D) bastante difícil, mas manifestando-se optimista na equipa dar o seu melhor para conseguir os seus objectivos, o vice-capitão dos Mambas, Zainadine Júnior, diz que, apesar de reconhecer o grande poderio de camaroneses e costa-marfinenses, no futebol nada é impossível.

 

«Nada é impossível, porque hoje em dia, no futebol, ganha quem comete menos erros. Isto é, os jogos são ganhos nos detalhes. Estamos cientes que iremos jogar contra duas grandes selecções com larga experiencia nessas andanças», comentou o central dos Mambas e do Marítimo, da I Liga Portuguesa.

 

Falando ao jornal “O País”, Zainadine Jr. disse que «temos uma boa selecção, temos feito bons jogos e melhorado nos nossos resultados. E, porque a moral está elevada, entendemos que continuaremos a manter o mesmo ritmo. Não vamos temer os nossos adversários, até porque o factor casa já não tem grande importância nos dias actuais. Penso que todos estamos em igualdade de circunstâncias».

 

Zainadine falou ainda da sua recente indicação ao “top 10” dos mais nomeados para melhor jogador em campo da edição 2019-2020 Liga NOS. «Sinto-me orgulhoso por fazer parte desta lista. Mais orgulhoso ainda por estar a representar Moçambique. É gratificante, é fruto do trabalho em conjunto e isso dá-me forças para continuar a dar o meu melhor».

Ler Mais

Últimas Notícias