Fórmula Marega para fazer mossa em Manchester

FC Porto 21-10-2020 08:34
Por Paulo Pinto

Sérgio Conceição não quis, naturalmente, levantar a ponta do véu relativamente à composição do onze que vai tentar contrariar o favoritismo do Manchester City na partida desta noite, em Inglaterra, um país ingrato para as hostes azuis e brancos. Com efeito, fica claramente a ideia de que a equipa inicial não deverá andar muito longe daquela que começou o clássico de Alvalade, composta quase toda por elementos que transitaram da época passada, à exceção do lateral-esquerdo Zaidu, o sucessor natural de Alex Telles, que rumou ao Man. United.

 

Há, porém, a possibilidade de Sérgio Conceição apostar num meio-campo mais preenchido e, nesse caso, abre-se uma janela para o senegalês Loum entrar nos planos de Sérgio Conceição para o duelo de Manchester.

 

Um cenário que não será descabido, procurando o FC Porto ganhar na zona intermediária maior consistência, mas isso implicaria, obrigatoriamente, a saída de uma das unidades do ataque.

 

Nessa conformidade, o sacrificado poderá ser, caso se venha a confirmar esta ideia do técnico, o colombiano Luis Díaz. Corona poderia funcionar como um segundo avançado ao lado de Marega, fazendo com que Otávio alinhe sempre numa posição mais de ajuda ao setor intermediário, onde Loum, Uribe e Sérgio Oliveira tentariam travar a magia dos ingleses.

 

Sérgio Conceição estará certamente a meditar o que entende ser o melhor para travar o milionário City e Loum é uma possibilidade colocada em cima da mesa. A dúvida será desfeita uma hora antes do encontro.

 

Onze provável: Marchesín; Manafá, Mbemba, Pepe e Zaidu; Otávio, Loum, Sérgio Oliveira e Uribe; Marega e Corona.

Ler Mais
Comentários (72)

Últimas Notícias