Leões no mercado à procura de central esquerdino

Sporting 25-05-2020 08:32
Por Nuno Raposo

O Sporting redefiniu prioridades e tem agora na linha da frente de aquisições para a nova época um central esquerdino, capaz de encaixar no esquema de defesa a três que Rúben Amorim trabalha já para as dez últimas jornadas do campeonato, ainda versão 2019/2020, e depois para a temporada 2020/2021.
 

A administração sportinguista está ciente de que não terá muita capacidade de investimento, está agora também centrada no plano desportivo, com a regresso da competição a partir de 3 de junho - nesta 25.ª jornada a equipa verde e branca desloca-se, no dia 4, ao terreno do Vitória de Guimarães (21.15 horas -, mas não descura as questões relativas ao à bolsa de transferências, procurando uma boa oportunidade de negócio que possa bater à porta do Estádio José Alvalade.
 

No centro da defesa, Luís Neto, Coates e Mathieu são os três escolhidos por Rúben Amorim para a titularidade no que resta da temporada. O português pela direita, o uruguaio pelo meio e o francês pela esquerda. E é no lado canhoto que reside uma dúvida para a nova época: continua ou não Mathieu em Alvalade, que está em final de contrato? A administração espera por uma resposta, que tarda. E por isso não perde tempo a avançar para o terreno, no mercado.

O internacional francês pondera terminar a carreira mas mesmo que não o faça os leões vão avançar para uma nova solução, até porque saídas de outros centrais não estão descartadas e Mathieu, a caminho dos 37 anos e com uma lesão crónica no tendão de Aquiles, ainda que possa ser gerida, não é garantia de total disponibilidade durante toda uma temporada.

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (16)

Últimas Notícias

Mundos