Kempes acusa direção: «Parecem uma máfia»

Valência 17-09-2019 16:45
Por Redação

Não se vivem tempos fáceis no Mestalla. A saída do treinador Marcelino Toral foi o agudizar de uma tensão interna que o emblema che e que está a colocar o plantel contra o consórcio que dirige o clube, liderado por Peter Lim.

 

Antiga glória do Valência, Mario Kempes não poupou nas críticas ao empresário de Singaprua.

 

«Não vou dizer que o clube é uma máfia, mas parece.. O plano deles saiu de forma perfeita. Não deixaram ninguém sair e assim que fechou o mercado, saltou a bomba. Não sei se o fizeram de forma consciente, mas saiu perfeito porque encurralaram os jogadores. Agora têm que defender a camisola, quer queiram, quer não», assumiu à Superdeportes.

 

Recorde-se que já na antevisão da partida com o Chelsea, o plantel recusou-se a aparecer na conferência de imprensa como forma de protesto, deixando o treinador Alberto Celades sozinho.

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias