Morreu Andrada, o guarda-redes que sofreu o golo 1000 de Pelé

Argentina 05-09-2019 22:16
Por Redação

Andrada, antigo guarda-redes argentino, morreu na madrugada desta quinta-feira com 80 anos. Ídolo do Rosário Central, onde foi formado, o guardião chegou perto das 400 partidas e foi mesmo internacional pela Argentina, mas ficou com a carreira marcada devido a um golo sofrido.

 

A 19 de novembro de 1969 defendia as redes do Vasco da Gama quando o Santos visitou o Maracanã. A meio de um jogo, um penálti assinalado colocou-o frente a frente com Pelé. O brasileiro converteu o castigo máximo e marcou o milésimo golo da carreira. Um marco que entrou para a história dos dois jogadores.

 

«Acho que nenhum guarda-redes gosta de sofrer golos, muito menos um desta importância», desabafou à SporTV em 2012.

Ler Mais
Comentários (7)

Últimas Notícias