«Não existem explicações para este apagão coletivo»

Santa Clara 01-09-2019 18:16
Por Redação

João Henriques reconheceu que o jogo deste domingo em Tondela (0-0) foi o pior desde que assumiu o comando técnico do Santa Clara, mas destacou a exibição do guarda-redes Marco, que defendeu duas grandes penalidades permitindo o regresso da equipa aos Açores com um ponto na bagagem.

 

«Não aproveitámos as ocasiões que criámos quando estávamos em vantagem numérica e fomos penalizados com a perda de dois pontos. Não existem explicações para este apagão coletivo – foi uma péssima exibição, ao contrário do que aconteceu nas três primeiras jornadas», referiu à Sport TV.

 

Uma exibição coletiva que contrastou com o desempenho de Marco: ««Foi enorme! Defendeu dois penáltis, trabalha para isso. Mérito exclusivo para ele, porque coletivamente estivemos mal. Ficamos satisfeitos porque é um ponto conquistado fora, mas a equipa tem de praticar melhor futebol. Foi o nosso pior jogo desde que cheguei ao Santa Clara. Agora temos mais um ponto, cinco no total, mas estamos tristes pela exibição que fizemos.»

 

Em contagem decrescente para o fecho do mercado, João Henriques não espera perder nenhum jogador do plantel: «Estamos satisfeitos com o plantel que temos. Faltam poucas horas [para o fecho do mercado] e não gostaríamos de ser surpreendidos porque não teríamos oportunidade para colmatar uma saída. Estamos tranquilos porque, se sair alguém, sabemos que o plantel tem qualidade para fazer um bom campeonato.»

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias

Mundos