Anderson Silva: «Eu não parei, nem me vou retirar»

Brasil 17-05-2019 12:00
Por Redação

A reforma ainda está longe de vir para Anderson Silva. O lutador brasileiro de 44 anos de idade, que está a caminho da China para promover um filme, mostrou-se confiante com a recuperação da lesão no joelho e quer combater contra o norte americano Jared Cannonier.

 

De acordo com o TMZ.com, Silva admitiu que está a dar um tempo para ficar pronto para o próximo combate. «Eu não parei, nem me vou retirar. Só estou a dar um tempo agora porque tenho o meu filme na China, vou à China promovê-lo. Vou acalmar-me um pouco, cuidar do meu joelho, começar a fisioterapia, e logo veremos. Mas voltarei em breve».

 

O brasileiro mostrou-se interessado na desforra contra o norte americano, que o derrotou por knock out técnico no 1º round no UFC do último sábado. «Talvez. Falei com Dana sobre isso, mas Dana só disse "Volta para casa, descansa, tem cuidado com o joelho, depois vemos isso". Mas há uma boa chance de isso acontecer. Não sei, só estou à espera. O meu foco está em eu me recuperar, ficar saudável e forte, e voltar».

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias