Vasco Paciência: tal pai tal irmão

Entrevista 25-03-2019 10:49
Por Eduardo Pedrosa Marques

Desengane-se quem pense que só Gonçalo é que é o herdeiro de Domingos dentro do relvado. Vasco Paciência, de apenas 19 anos, também segue as pisadas do irmão e do pai e é… ponta de lança. Fez grande parte da formação no FC Porto, jogou também no Boavista e chegou ao Benfica no passado mês de janeiro. Alinha nos juniores dos encarnados mas já tem contrato profissional. Assinou pelas águias até 2023 e é uma das esperanças dos responsáveis do Benfica no que ao seu posto específico diz respeito.

 

Apesar do passado no FC Porto, Domingos sabe separar as águas e, naturalmente, tudo o que mais deseja é o sucesso dos filhos. Neste caso de Vasco, um jogador com características muito especiais.

 

«É diferente do Gonçalo. O Vasco tem uma grande técnica e finaliza muito bem. Falta-lhe ganhar outras coisas, como a agressividade, por exemplo, mas é alto e joga bem de cabeça. É refinado com a bola no pé. Vejo nele coisas mais parecidas comigo quando era jogador. Chegou ao Benfica em janeiro, com a época a meio, o que não é fácil, mas acredito que vai ganhar o seu espaço e continuar o seu processo de evolução. Já trabalhava regularmente com o plantel principal do Boavista, quando o Jorge Simão era o treinador, e, agora, com um contrato profissional no Benfica, tem tudo para crescer ainda mais», sublinha Domingos, sem esconder a emoção por ver os filhos seguirem-lhe as pisadas:

 

«Nunca os empurrei nem influenciei, a escolha foi sempre deles. Mas claro que ver os meus filhos felizes, em busca da sua realização pessoal e profissional, enche-me de orgulho. Tento acompanhá-los ao máximo.»

Ler Mais
Comentários (15)

Últimas Notícias