Nani explica porque voltou ao Sporting

Sporting 11-07-2018 19:03
Por Redação

Nani explicou os motivos que o levaram a regressar ao Sporting quando tinha várias propostas, algumas mais atrativas, em carteira.

 

«É sempre bom voltar a uma casa que bem conheço. Estou feliz por esta decisão. As expetativas são as mesmas de sempre – trabalho, dedicação e muita ambição. Sabemos que o clube passou por uma fase complicada, mas estamos aqui para dar a volta e ter a certeza que, de hoje em diante, possa melhorar. Vou dar o meu melhor em prol do clube e pela equipa para no final sermos felizes, termos a consciência que trabalhámos bem e fizemos uma boa época», afirmou.

 

Regresso ao Sporting a pensar no regresso à Seleção Nacional: «Onde quer que estivesse, estaria sempre à disposição do selecionador. Regressar ao Sporting foi uma questão pessoal. Era importante para mim voltar a Portugal, voltar a casa, e sentir o carinho das pessoas que gostam de mim. Tudo o que fiz e vou fazer no futebol… é por essas pessoas que estou aqui hoje. Estou de corpo e alma, disposto a ajudar o clube a lutar pelos seus objetivos.»

 

Luta pelo título: «Primeiro devemos pensar em construir um grupo forte e dedicado, ciente das suas capacidades e dos objetivos. Se assim for, tudo é possível. Mais importante é estarmos bem entre nós, clube e equipa, para podermos dar uma resposta em campo.»

 

Reencontro com José Peseiro: «É bom voltar a trabalhar com um treinador que faz parte da tua história como jogador. Foi ele que me lançou na Liga, estou satisfeito e orgulhoso de poder voltar a trabalhar com ele.»

 

Ataques na Academia: «É passado, todos deram opinião. Estamos aqui para falar de coisas positivas e do futuro, focar no bom que o clube pode fazer daqui para a frente. Isso é o mais importante.»

 

 

Outras propostas: «Recebi muitas, algumas aliciantes. Preferi o Sporting por uma questão de orgulho e palavra para comigo mesmo. Estou muito feliz. Podem falar o que quiserem, mas o que conta é o que sinto e o que eu quero.»

 

Número?: «O mesmo de sempre (17), se estiver disponível.»

Ler Mais
Comentários (50)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais