Bruno de Carvalho processa Ferro Rodrigues e critica Marcelo Rebelo de Sousa

Sporting 17-05-2018 09:11
Por Redação

O presidente do Sporting promete avançar com processos de difamação e calúnia contra várias frentes, destacando-se o nome de Eduardo Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República.

«Não posso aceitar que a segunda figura do Estado tenha sido mais taxativo e belicista, fazendo-me uma crítica violentíssima, não tendo a mínima noção do cargo que ocupa e da sua condição de sócio do Sporting Clube de Portugal. Será por isso um dos primeiros visados nas ações cíveis que vou mover, até pela posição relevante que ocupa na sociedade», refere Bruno de Carvalho, vincou Bruno de Carvalho, numa nota enviada às redações.

O presidente do clube de Alvalade promete ainda avançar com ações cíveis contra todos os que o têm difamado, desde políticos, jornalistas e comentadores, apontando os nomes de Daniel Sampaio, José Maria Ricciardi e Rogério Alves.

Bruno de Carvalho aproveitou ainda para apontar o dedo ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, por «não ter sido taxativo» a confirmar a presença na final da Taça de Portugal. Para o líder leonino, trata-se de uma atitude que permite fazer «duas leituras». Em primeiro, que o chefe de Estado «lhe está a imputar responsabilidades, deixando instalar a dúvida». Em segundo, que Marcelo Rebelo de Sousa está «disponível para aceitar que um grupo de marginais ponha em causa a realização de um evento relevante e que se ache no direito de acreditar que influencia as suas decisões».
 

Ler Mais
Comentários (157)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais