Lage recusa mudança de estratégia: «Falta segurar os melhores jogadores que temos tido»

Benfica 08-11-2019 14:06
Por Redação

Bruno Lage garante que o Benfica continua fiel à estratégia de apostar na formação do Seixal e colocar o produto a jogar, faltando depois conseguir segurar jogadores antes que saiam cedo de mais para os principais clubes europeus.

 

A pergunta sobre uma eventual mudança de estratégia surgiu a propósito da derrota com o Lyon e ida ao mercado em janeiro. «Se a cada desaire tivermos de mudar é porque não temos rumo e nada preparado. Há anos dizia-se que era impossível vencer tendo uma equipa com base na formação, mas nós provámos isso e temos provados nos últimos anos. Agora falta o passo seguinte, podermos fazer competições europeias à dimensão do clube, mas seguindo uma estratégia. Falta também segurar os melhores jogadores que temos tido», disse, prevendo que seis jogadores formados no clube poderão estar oitavos de final a Champions.

 

«Imaginem que o Benfica, com uma situação financeira estabilizada, consegue segurar esses jogadores. Seremos mais fortes e conseguiremos atingir objetivos em termos europeus. Nada nos pode tirar deste trajeto; há 10 anos ou 15 anos, quando se colocou a primeira pedra no Seixal, poucos acreditavam. As pessoas que lideram o Benfica acreditam nessa estratégia e, independentemente do resultado, não podemos sair dela», acrescentou.

 

 

«Tomara ao longo da época sermos sempre consistentes»

 

No entanto, houve insistência quando a alguns jogadores da formação não estarem a ter o mesmo rendimento. «São momentos, teríamos de fazer analise a quem, apontar a quem? Toda a gente tem tido oportunidade de jogar. O rendimento em momentos não é tão brilhante como no passado, mas é caminho que temos de fazer. Joga-se 7 jogos em 20/23 dias e pára-se para a seleção; regressamos e temos 2 ou 3 dias para novo bloco. A dinâmica coletiva nem sempre é possível. Tomara ao longo da época sermos sempre consistentes», analisou.

Ler Mais
Comentários (37)

Últimas Notícias