Teoria da Relatividade é tema de centro científico em antiga roça da ilha do Príncipe

São Tomé e Príncipe 05-05-2019 12:38
Por Lusa

O local onde se secava cacau e coco, na ilha são-tomense do Príncipe, vai transformar-se no Espaço Ciência e História Sundy, cuja inauguração será o ponto alto das comemorações dos 100 anos da validação da Teoria da Relatividade Geral, de Einstein.

 

O momento ocorre no próximo dia 29, exatamente 100 anos depois do eclipse solar de 29 de maio de 1919, durante o qual foi confirmada a Teoria da Relatividade Geral (1915), do físico Albert Einstein, na roça Sundy, na ilha do Príncipe, e no Sobral, no Brasil, por equipas de astrónomos liderados por Arthur Eddington.

 

É precisamente nesta roça que será inaugurado o Espaço Ciência e História Sundy, um momento que contará com a presença do Presidente da República português, Marcelo Rebelo de Sousa, que se associou a este evento.

 

O espaço pretende proporcionar aos visitantes “um conjunto de experiências interativas, em conexão com a Natureza”: segundo os organizadores, para se chegar lá, há que percorrer os Trilhos da Ciência, aliando “ciência, natureza e cultura local”, numa ilha que é reserva mundial da biosfera da UNESCO.

 

Ali será instalada “uma versão muito pequena de um interferómetro, que permitirá que os visitantes melhor compreendam a confirmação da Teoria de Einstein” e, no futuro, o espaço acolherá um planetário.

 

Ler Mais

Últimas Notícias