Diretor da PJ destaca «inversão comportamental» de Rui Pinto

Justiça 30-05-2020 13:05
Por Redação

Apesar de continuar preso, Rui Pinto está a colaborar com Polícia Judiciária (PJ) e Luís Neves, diretor nacional da PJ, assume que o pirata informático, responsável pelo Football Leaks e pelo Luanda Leaks, mudou o comportamento para com as autoridades.

 

«Todos nós temos de assumir a nossa responsabilidade, e a PJ assumiu que estava a assistir-se a uma inversão comportamental por parte do arguido. Essa inversão implicava a possibilidade de se ter acesso à continuação da investigação, porque há inquéritos que estão em aberto. E, sobretudo, ter acesso a outro tipo de informação», explicou, ao DN.

 

Luís Neves alargou-se na mudança de comportamento de Rui Pinto. «O Rui Pinto foi acusado e pronunciado com parte substancial daquilo que a PJ conseguiu descodificar e abrir nos equipamentos que lhe apreendeu na Hungria, e naquilo que já eram suspeitas anteriores. Existiam outros equipamentos que, na altura, ainda não tinham sido desencriptados, e que entendíamos que a sua leitura era importante. A abertura destes equipamentos poderia nunca ser possível. Com esta nova disposição, tudo aquilo que estava na sua posse, do ponto de vista de acesso a determinado tipo de informação, foi aberto. A PJ e o Ministério Público, numa real consonância de vontades e em linha de ação com o DCIAP e com a Defesa, tiveram acesso e desencriptámos esse material.»

Ler Mais

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Comentários (61)

Últimas Notícias