Albon despromovido ao DTM

Fórmula 1 05-01-2021 13:31
Por José Caetano

Alexander Albon, de 24 anos, terminou o Mundial de Fórmula 1 de 2020 na 7.ª posição do campeonato de pilotos, com 105 pontos, ‘performance’ que dececionou a direção da equipa Red Bull, que decidiu substituí-lo pelo mexicano Sergio Pérez na próxima época e entregar-lhe apenas um papel secundário na escuderia.

 

Sem lugar na Fórmula 1, Albon encontrou uma solução para prosseguir a carreira… O tailandês competirá no Campeonato Alemão de Carros de Turismo (DTM) nos fins de semana em que estiver livre de compromissos com a equipa austríaca, onde continuará a trabalhar como piloto de reserva e testes, maioritariamente no simulador da escuderia.

 

Em 2021, no DTM, pela primeira vez, máquinas da categoria GT3 em vez de protótipos desenvolvidos ‘à medida’ para a competição. Até ao momento, este campeonato seduziu cinco equipas: GruppeM (Mercedes-AMG), 2 Seas Motorsport e Jenson Team Rocket RJN (McLaren), Team Rosberg e Team Abt (Audi).

 

Não foi revelada a equipa de Alex Albon, mas a inscrição do tailandês está confirmada, a exemplo da de Liam Lawson, ‘protegido’ da Red Bull que terminou o campeonato de Fórmula 3 de 2020 na 5.ª posição. O DTM não é território estranho para os austríacos, que patrocinaram a equipa oficial da Audi, por exemplo, nos anos dos títulos (dois) do sueco Mattias Ekstrom.

Ler Mais
Comentários (3)

Últimas Notícias