Sólido Higgins (6-1) aponta a 6.ª final no UK’

Snooker 02-12-2019 22:31
Por António Barroso

O escocês John Higgins, de 44 anos, quinto da hierarquia e tetracampeão mundial (1998, 2007, 2009 e 2011) qualificou-se na noite desta segunda-feira para os oitavos de final do UK Championship, ao vencer o inglês Ian Burns, de 34 anos, 84.º do ‘ranking’, por 6-1, em jogo dos 16avos de final da prova da época 2019/2020 da World Snooker, a decorrer em York (Inglaterra) até ao dia 8.

 

O escocês continua assim no trilho de uma possível sexta final e quarto título no torneio ‘major’ e da Tripla Coroa (com o Masters e o Mundial): venceu em 1998 (10-6 a Matthew Stevens na final), 2002 (10-4 a Mark Williams no duelo decisivo) e 2010 (10-9 ante Mark Williams na decisão), foi vice campeão em 1996 (9-10 ante Stephen Hendry) e 2009 (8-10 ante Ding Junhui).

 

Dez anos após a sua última final do ‘UK’, o ‘feiticeiro de Wishaw’ sonha estar de novo no grande jogo e levar o caneco. Assinou ‘breaks’ de 95 pontos (quarto parcial) e uma centenária na sétima partida (124) logo seguida de outra entrada de 88 pontos, a fechar o jogo e a demonstrar que têm que contar com a raposa escocesa…

 

Pela frente terá, para já, nos ‘oitavos’, outro campeão mundial (2015): o inglês Stuart Bingham, de 43 anos, 12.º da tabela mundial, que bateu durante a tarde deste dia Zhao Xintong, por 6-1.

 

Desta segunda de quatro sessões dos ‘16avos’ (cada uma com quatro jogos, oito em cada um de dois dias), atenções para o vice-campeão de 2018: Mark Allen, de 33 anos, sétimo do ‘ranking’. O norte-irlandês foi o primeiro a despachar o expediente no escritório na noite desta segunda-feira: suplantou o inglês Ben Woollaston, de 32 anos, 37.º da hierarquia, por 6-1 – entradas de 60, 64, 75 e 69 pontos, nos primeiro, segundo, quarto e sétimo ‘frames’…-  e defrontará o anglo-norueguês Kurt Maflin, de 36 anos, 43.º da tabela, que bateu o escocês Alan McManus, de 48 anos, 51.º do ‘ranking’, por 6-2.

 

Depois da eliminação, a marcar o dia, do campeão mundial e número um, Judd Trump, às mãos de Nigel Bond (3-6) – o inglês espera rival nos ‘oitavos’, do embate dos compatriotas Joe Perry, de 45 anos, 15.º do ‘ranking’, e Gary Wilson, de 34 anos, 18.º da tabela - há dois favoritos  ainda a jogarem os 16avos de final terça-feira: Ronnie O’Sullivan, que defende o título de 2018… e Mark Selby, dupla que só na final se pode encontrar…

 

O ‘Rocket’ mede forças, no jogo grande da sessão da tarde (13 horas) de dia 3, com o tailandês Noppon Saengkham, de 27 anos, 32.º da tabela mundial. O vencedor cruza-se com o triunfador do duelo entre Ali Carter, de 40 anos, 16.º da hierarquia, e Ding Junhui, de 32 anos, 14.º da tabela, nos oitavos de final

 

Selby tem pela frente, no jogo cartaz das 19 horas de quarta-feira, dia 3, o compatriota Martin O’Donnell, de 33 anos, 34.º da tabela mundial. Mark ou Martin vão encontrar, nos ‘oitavos’ o galês Matthew Stevens, de 42 anos, 39.º da tabela, que venceu o inglês Anthony Hamilton, de 48 anos, 50.º da hierarquia, por 6-2.

 

Isto enquanto o australiano Neil Robertson, de 37 anos, quarto da hierarquia (e campeão mundial em 2010) aguarda rival a sair do duelo do chinês Yan Bingtao, de 19 anos, 20.º da hierarquia, com o inglês Jack Lisowski, de 28 anos, 13.º da tabela.

 

O chinês Li Hang, de 29 anos, 45.º da tabela, que bateu Marc Fu por 6-4, espera pelo desenlace do duelo do compatriota Liang Wenbo com o israelo-escocês Eden Sharav para saber com quem joga nos oitavos de final, a jogar quarta-feira, dia 5.

 

Recorde-se que, até às meias-finais os jogos no ‘UK são à melhor de 11 ‘frames’, até um ganhar seis (de 6-0 a possíveis 6-5) até às ‘meias’ (inclusive).

 

O UK Championship, torneio da época 2019/2020 da World Snooker pontuável para o ‘ranking’, torneio ‘major’ da temporada e também da Tripla Coroa (com Masters e Mundial) iniciou-se a 26 de novembro e decorre em York (Inglaterra). A prova atribui 1,009 milhões de libras (1,18 milhões de euros) em prémios: 200 mil libras (€234.557) ao campeão. É transmitida para Portugal (EuroSport).

 

16avos de final, jogos desta 2.ª feira (apurados a negro):

Li Hang-Marco Fu, 6-4

Stuart Bingham-Zhao Xintong, 6-1

Mark King-Neil Robertson, 4-6

Nigel Bond-Judd Trump, 6-3

John Higgins-Ian Burns, 6-1

Matthew Stevens-Anthony Hamilton, 6-2

Mark Allen-Ben Woollaston, 6-1

Alan McManus-Kurt Maflin, 2-6

 

Últimos oito jogos dos ‘16avos’, 3.ª feira (hora local e de Lisboa):

Ronnie O'Sullivan-Noppon Saengkham (3.ª feira, 13 horas)

Ding Junhui-Ali Carter (3.ª feira, 13 horas)    

Liang Wenbo-Eden Sharav (3.ª feira, 13 horas)

Stephen Maguire-Graeme Dott (3.ª feira, 13 horas)

Yan Bingtao-Jack Lisowski (3.ª feira, 19 horas)

Michael White-Mark Davis (3.ª feira, 19 horas)

Martin O’Donnell-Mark Selby (3.ª feira, 19 horas)

Gary Wilson-Joe Perry (3.ª feira, 19 horas)

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias