Vanderlei Luxemburgo explica como travou Flamengo de Jesus

Brasil 14-11-2019 09:17
Por Redação

O Vasco da Gama foi ao Maracanã impor empate a quatro golos ao líder do Brasileirão. Vanderlei Luxemburgo explicou como logrou travar o líder, e «já campeão», Flamengo de Jorge Jesus.

 

«Duelo tático? Esquece isso. Nada a ver. Estudámos o adversário. O que eu fiz foi uma coisa que não tinha visto ninguém fazer. Ele encolhe o Arão, abre os dois centrais, adianta os laterais jogando. O que eu fiz? ‘Matei’ os centrais para não terem conforto. Eu queria que os laterais deles passassem, que o Arão, que é um jogador que sabe sair a jogar, se apresentasse para o jogo, porque iam tentar e iam perder a bola. Quando perdessem, eu teria as laterais», detalha o treinador brasileiro.

 

«Foi um grande jogo, de oito golos. Ainda houve outras possibilidades. Saímos de campo satisfeitos porque o Vasco respeitou a equipa do Flamengo, mas não ficou com medo. É o provável campeão, já é o campeão, mas jogámos como tínhamos de jogar», vinca, acrescentando: «Não é proibido empatar e ganhar ao Flamengo. Não vejo nenhuma anormalidade nisso. Foi um grande jogo de futebol.»

 

Vanderlei Luxemburgo elogia o trabalho de Jorge Jesus no Flamengo. Mas lembra que o português não é o primeiro treinador estrangeiro a dar cartas em terras de Vera Cruz.

 

«Estamos num momento muito tenso no Brasil. O Jesus é um grande técnico, mas não podemos esquecer que no Palmeiras houve um argentino que fez um grande trabalho [referência a Ricardo Gareca]. Há outros estrangeiros que já vieram fazer grandes trabalhos», realça.

Ler Mais
Comentários (14)

Últimas Notícias