FC Porto foi o único a contornar a lei do mais forte

LIGA DOS CAMPEÕES 25-02-21 8:39
Por Redação

Concluída a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, os primeiros classificados da fase de grupos confirmaram o seu favoritismo em campo, com uma exceção: o FC Porto. Nos oito embates realizados, os dragões foram a única equipa a vencer em casa (nota para o facto dos anfitriões RB Leipzig, Atlético de Madrid e Monchengladbach se terem visto obrigados a disputar os jogos fora dos seus estádios habituais devido às restrições da pandemia).

Segundos classificados no Grupo C com 13 pontos (a três do Manchester City), os comandados de Sérgio Conceição bateram o pé à Juventus (primeira do Grupo G, com 15 pontos, os mesmos do Barcelona) em pleno Estádio do Dragão (2-1), com os golos de Taremi (1’) e Marega (46’).

Há sete anos que não acontecia algo semelhante. Na altura, em 2013/14, o Olympiakos surpreendeu o Manchester United (2-0) na Grécia, mas acabou derrotado em Inglaterra (0-3). A isto soma-se ainda o empate do Galatasaray na receção ao Chelsea (1-1), com os blues a vencerem (2-1) em Stamford Bridge

Confira os resultados da primeira mão dos oitavos de final

RB Leipizg – Liverpool, 0-2

Barcelona – PSG, 1-4

FC Porto – Juventus, 2-1

Sevilha – Dortmund, 2-3

Lazio – Bayern Munique, 1-4

Atlético Madrid – Chelsea, 0-1

Atalanta – Real Madrid, 0-1

Monchengladbach – Mancester City,0-2