Luís Gonçalves conduz Mambas à fase de grupos de qualificação para o Mundial

MOÇAMBIQUE 10-09-19 5:46
Por Álvaro da Costa, Maputo

Os Mambas, agora sob o comando do treinador português Luís Gonçalves, apurou -se esta terça feira para a fase de grupos da zona africana de qualificação para o Campeonato do Mundo de  2022, vencendo as Maurícias, por 2-0, em encontro da segunda mão da pré-eliminatória.  Na primeira mão, a seleção moçambicana já tinha ganho por 1-0.  

Em relação a partida desta terça feira, importa realçar a entrada pressionante dos Mambas. Não deixaram jogar as Maurícias como tinha prometido Luís Gonçalves na antevisão do jogo. A entrada aguerrida em campo foi coroada com o golo de Clésio, aos 8 minutos, na sequência de um bom remate de Witi, com o antigo jogador do Benfica a aparecer no lugar certo para atirar certeiro, após defesa incompleta do guarda-redes contrário. No lance seguinte, Clésio teve uma oportunidade para bisar, mas esteve mal na recepção da bola, após passe de Ratifo. 

Com domínio total na primeira parte, os treinados de Luís Gonçalves saíram ao intervalo a vencer por 1-0.  

Na segunda parte, o ritmo decaiu, mas o combinado moçambicano continuou na mó de cima. Witi era a unidade mais em ação na frente de ataque e por duas vezes teve ocasião para dilatar o marcador, numa das quais na marcação de um livre indireto. Mas o extremo do Nacional da Madeira não baixou as armas e aos 74 minutos, após jogada bem conduzida por ele, a equipa nacional ganhou um penálti a castigar mão na bola. Geny Catamo, jogador dos juniores do Sporting, foi confiado por Luis Gonçalves para converter o castigo máximo e fé-lo com mestria. Estreia de sonho para o jovem de 18 anos.Com o 2-0, os Mambas tinham praticamente o apuramento assegurado, mas continuaram a atacar e mais uma vez Witi, pelo flanco esquerdo, galgou terreno, passou por dois adversários e assistiu Ratifo que cabeceou por cima. Ficou  perto do 3-0. A partida iria mesmo terminar com o resultado de 2-0, a favor do conjunto moçambicano.  

Os Mambas vão agora disputar a fase de grupos. Serão 10 os grupos com 4 seleções cada, onde sairão os primeiros classificados, que disputarão a eliminatória para se apurar os 5 representantes do continente africano no Mundial-Qatar 2022. 

Luís Gonçalves apostou nos seguintes jogadores: Frank; Sidique, Zainadine Jr, Mexer e Reinildo; Kambala, Kito (Geraldo), Witi e Geny Catamo (Edmilson); Clésio e Ratifo (Luís Miquissone).