As exigências de Navas que soam a vingança

REAL MADRID 25-06-19 8:5
Por Redação

O guarda-redes do Real Madrid, que não faz parte dos planos do clube merengue e, entre outros – com o PSG à cabeça e alguns clubes na Premier league - tem o Benfica e teve o FC Porto como potenciais interessados, não tem facilitado nas conversações para uma saída do Real.

Segundo os espanhóis do El Confidencial, Keylor Navas terá informado o Real Madrid que apenas aceitará sair se receber os ordenados dos dois anos de contrato que lhe restam; e Navas ganha perto de cinco milhões por ano. E terá exigido, ainda, sair a custo zero. O Real exige, porém, valores a rondar os 20 milhões de euros para libertar o jogador. 

Para piorar a situação, o guarda-redes costa-riquenho pedirá a quem o quiser contratar, segundo as mesmas fontes, um prémio de assinatura correspondente a sete salários anuais no futuro clube.

Alegadas exigências complicadas de satisfazer, mas que surgem, garantem em Espanha, não apenas pela posição assumida pelo Real mas igualmente por um sentimento de «traição» em relação a Zidane, que já esclareceu que o seu guarda-redes para a nova temporada será Courtois.