SEGUNDA-FEIRA, 22-05-2017, ANO 18, N.º 6323
Eusébio
EUSÉBIO (1942-2014)
Morreu Eusébio
08:01 - 05-01-2014
Eusébio da Silva Ferreira, 71 anos, morreu na madrugada de domingo, dia 5, por volta das 3.30 horas, vítima de paragem cardiorrespiratória.

O antigo jogador, e embaixador do futebol português pelo mundo, já vinha dando sinais de saúde debilitada, tendo estado internado em junho de 2012 no Hospital da Luz, na sequência de um acidente vascular cerebral (AVC) que sofreu na Polónia. Eusébio estava em Poznan, a acompanhar a seleção nacional durante o Campeonato da Europa de futebol, quando se sentiu mal e foi internado num hospital daquela cidade polaca.

Considerado um dos melhores jogadores de todos os tempos destacou-se ao serviço do Benfica e da Seleção Nacional, tendo sido determinante na conquista do terceiro lugar no Campeonato do Mundo de 1966.

O «Pantera Negra» era conhecido pela sua velocidade, técnica e pelo seu poderoso e preciso remate de pé direito.

Eusébio da Silva Ferreira nasceu em Lourenço Marques, a 25 de Janeiro de 1942 no Bairro de Mafalala, atual Maputo, Moçambique.

Eusébio jogou pelo Benfica 15 dos seus 22 anos como jogador de futebol. Ainda hoje detém o recorde de golos dos encarnados com 638 golos em 614 jogos oficiais.

No Benfica ganhou 11 Campeonatos Nacionais (1960-1961, 1962-1963, 1963-1964, 1964-1965, 1966-1967, 1967-1968, 1968-1969, 1970-1971, 1971-1972, 1972-1973 e 1974-1975), 5 Taças de Portugal (1961-1962, 1963-1964, 1968-1969, 1969-1970 e 1971-1972), 1 Taça dos Campeões Europeus (1961-1962) e ajudou a alcançar mais três finais da Taça dos Campeões Europeus (1962-1963, 1964-1965 e 1967-1968).

Foi o maior marcador da Taça dos Campeões Europeus em 1965, 1966 e 1968. Ganhou ainda a Bola de Prata sete vezes (recorde nacional) em 1964, 1965, 1966, 1967, 1968, 1970 e 1973. Foi o primeiro jogador a ganhar a Bota de Ouro, em 1968, façanha que mais tarde repetiu em 1973.

Eusébio recebeu várias distinções nacionais e estrangeiras ao longo da vida, entre elas os colares de Mérito Desportivo (1981) e de Honra ao Mérito Desportivo (1990), além da «Águia de Ouro», o mais alto galardão do Benfica, em 1982.
Redação

NOTÍCIAS RELACIONADAS
18:03 - 13-01-2014 Eusébio recordado na Gala da FIFA
14:11 - 11-01-2014 CDS-PP prestou homenagem a Eusébio
00:24 - 09-01-2014 Mambas querem homenagear Eusébio
13:06 - 08-01-2014 Liga pede homenagem a Eusébio
00:15 - 07-01-2014 A despedida de Eusébio em fotos
21:48 - 06-01-2014 Paz à Sua Alma! Viva Eusébio!
21:40 - 06-01-2014 Ronaldo dedica golos a Eusébio
18:43 - 06-01-2014 Eusébio já descansa em paz
13:29 - 06-01-2014 «Eusébio há só um» - Mantorras
18:12 - 05-01-2014 «Obrigado por tudo Eusébio» - Pepe
13:58 - 05-01-2014 Maradona recorda Eusébio
11:44 - 05-01-2014 Sporting lamenta morte de Eusébio
11:19 - 05-01-2014 FIFA e UEFA recordam Eusébio
11:07 - 05-01-2014 Pantera Negra, para sempre (vídeo)
10:57 - 05-01-2014 Eusébio em imagens
10:03 - 05-01-2014 Até já, Eusébio…
08:01 - 05-01-2014 Morreu Eusébio

comentários

0
Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter
Faça um comentário (máx: 300)

mais de EUSÉBIO (1942-2014)

BOLA DE OURO Eusébio da Silva Ferreira foi homenageado esta segunda-feira durante a gala da FIFA em Zurique, Suíça. O Pantera Negra foi recordado na cerimónia que decorre no Palácio dos Congressos com a exibição de imagens do antigo internacional português no
EUSÉBIO (1942-2014) Em declarações à Rádio Renascensa, o antigo ministro da Economia Daniel Bessa mostrou não ser contra o facto de os restos mortais de Eusébio irem para o Panteão Nacional. «Vou fazer um meã culpa: não sou um aristocrata de nascimento, mas to

destaques