QUARTA-FEIRA, 05-08-2015, ANO 16, N.º 5667
Conteúdo inexistente.

destaques

Vendia guarda-sóis na praia, agora é o que é...
Para lá do que se vê O telemóvel é o seu melhor amigo, não foge dos holofotes, anda acompanhado dos seus representados e aparece nos palcos dos grandes estádios com os magnatas do futebol mundial. Moderno, talentoso, perspicaz, anda sempre na moda com ternos feitos à medida, complementos de marcas de primeira linha. Dedicado ao trabalho e ao sucesso, não conhece a palavra descanso. Tem uma vida agitada e hábitos requintados – Gosta de tomar o pequeno-almoço em Madrid, almoçar em Londres e jantar em Milão. Mas desta vez foi diferente. Tirou um dia de folga para levar ao altar Sandra Mendes, a mulher que conheceu numa discoteca. Casou-se em Serralves, nunca ele pensara ser o protagonista daquele que ficou para a história como o ´casamento do ano´. Mais do que isso, ter como convidados Cristiano Ronaldo, José Mourinho, Peter Liam, Alex Fergunson, Roman Abramovich, e muitos, muitos mais. Afinal ele era apenas um príncipe ainda sem coroa que, com 14 anos, vendia guarda-sóis nas praias da região de Lisboa… Jorge Mendes, 49 anos, e Sandra, 38, disseram o tão aguardado ´sim´ na igreja de S. João Batista na Foz Velha do Porto. Em 2005 casaram-se pelo civil, mas só agora, dez anos depois, Jorge Mendes e Sandra Barbosa decidiram unir-se pela Igreja, concretizando assim um dos grandes sonhos da mulher que está ao lado do agente em todos os momentos. A cerimónia, serviu ainda de palco para o batizado do filho mais novo do casal, Jorge Mendes Júnior. Para a ocasião, a Fundação Serralves, no Porto, fechou os seus jardins ao público para o copo-d’água com 400 convidados. O casamento do ano, como muitos o apelidaram, contou com uma chuva de estrelas do mundo do futebol, entre as quais Cristiano Ronaldo, a joia da fortuna de Jorge Mendes e padrinho de Jorge Júnior, o benjamim da família, a par de Marisa Mendes, a irmã mais velha, fruto do primeiro casamento de Jorge Mendes. 100 mil euros pelos jardins, 50 mil pela ilha grega que Ronaldo lhe deu... Para receber os 400 convidados, o casal Mendes alugou por 100 mil euros os jardins e anexos do Museu de Arte Contemporânea de Serralves, onde foi servido o festim. E Cristiano Ronaldo, uma das grandes atenções da ´boda´ real, não olhou à carteira na hora de eleger o presente perfeito - comprou uma ilha grega avaliada em mais de 50 mil euros, uma ´pechincha´ para a 10º celebridade mais bem paga do mundo, com ganhos na ordem dos 70 milhões de euros no último ano, segundo a revista ´Forbes´. Um presente de luxo, para um agente especial que, na realidade não queria prendas – só se fossem doações dinheiro ao IPO. Por Serralves mais de 13,5 mil milhões de euros... Jorge Mendes gere atualmente uma carteira de 80 desportistas avaliada em 500 milhões de euros. E feitas as contas, a Fundação de Serralves, que fechou ao público para acolher o copo de água da cerimónia, recebeu nos seus jardins convidados que valem mais de 13,5 mil milhões de euros, ou seja, quase 10% do PIB português. Para marcar a união com Sandra, Jorge não hesitou nos nomes que queria no seu casamento – todos aqueles que depositaram nele, nada mais do que o rumo das suas carreiras futebolísticas e que fizeram dele um milionário, eleito por cinco vezes o melhor empresário de futebol do mundo: Alex Ferguson, Roman Abramovich (magnata russo dono do Chelsea), Cristiano Ronaldo (o ouro da Gestifute), Florentino Pérez, Peter Lim (o padrinho do noivo e o empresário endinheirado de Singapura que é acionista maioritário do Valência e que comprou recentemente os direitos de imagem de Cristiano Ronaldo), James Rodríguez, Pinto da Costa, Jorge Jesus, Luís Filipe Vieira, Fernando Santos, Fernando Gomes, José Peseiro, Paulo Futre, Paulo Bento, Rui Patrício, Adrien Silva, Hugo Leal, Pepe, Maniche, Deco, Fábio Coentrão, Bosingwa, e muitos outros conhecidos do desporto rei. Todos eles, todos os convidados, tiveram que apresentar um código de barras lido através de um aparelho eletrónico – que receberam através de um email. Era a senha para a entrada no casamento que sim pareceu mesmo ou mundo de fadas - fadas e heróis, sobretudo por lá estar, quem lá esteve... ...
A correr no Tempo Bruce Jenner, o olímpico de decatlo em Montreal-1976, ou melhor, Caitlyn, não só surpreendeu o mundo quando assumiu a mudança de sexo, como também inspirou outros atletas, que viviam refugiados no medo em assumirem a sua verdadeira identidade. Matt Kroc é um nome sonante no culturismo mundial – os músculos valeram-lhe troféu no prestigiadíssimo Arnold Classic, uma espécie de Jogos Olímpicos no culturismo. Antes disso, destacou-se como marine Estados Unidos, incorporou, inclusivamente, a força de segurança privada do ex-presidente Bill Clinton. Em 2004 a vida pregou-lhe uma partida – foi-lhe diagnosticado cancro nos testículos. Depois de um período negro voltou a sorrir. Sem demoras, cumpriu um sonho que ambicionava desde os cinco anos - tornou-se mulher. Chama-se Janae Marie, considera-se «lésbica» e diz estar «ainda solteira»... Era a fera das academias mundiais – ao longo de 42 anos, sempre sustentou o estilo machão como fuzileiro naval, pai de três filhos e um corpo ao nível de Arnold Schwarzenegger. Mas escondia um segredo que o assolava desde os cinco anos. Agora tudo mudou, assumiu a sua verdadeira identidade. «Cheguei a pensar no suicídio...» Os músculos de Matt ´Kroc´ Kroczaleski já renderam títulos internacionais e fama no culturismo – era dos poucos que conseguia combinar a força sobrenatural com um físico igualmente impressionante. Em 2006 venceu o o Arnold Classic, a mais importante competição de culturismo, organizada sob a égide de Arnold Schwarzenegger e em 2009 tornou-se recordista mundial na classe 220. Agora, tudo são lembranças na cabeça de Matt que revelou como mulher nas redes sociais. «Tem havido muitas fofocas, rumores e questões sobre mim nos últimos dias. Deixem-me silenciá-las. Sou transgênero. Primeiro, quero esclarecer que já tinha planeado falar disto em público quando os meus filhos completassem o Ensino Médio. Fui aberto com a minha família, amigos e a comunidade do culturismo, mas percebi que para muitos isso é chocante», revelou Janae Marie, como quer ser tratada, na sua conta de Facebook. Desde os cinco anos que vivia preso a um corpo que não o dele – depois do drama que foi viver 42 anos de forma escondida, decidiu assumir a sua verdadeira identidade, inspirado no caso de Caitlyn Jenner - antes Bruce Jenner, campeão olímpico no decatlo em 1976. «Vivi com isto toda a minha vida, e foi extremamente difícil. Na verdade, cheguei a pensar no suicídio. Nunca quis ou pedi para ser assim, mas hoje estou confortável e orgulhosa de quem sou, mesmo que muitos não entendam». Em entrevista ao jornal The Mirror, Janae contou que antes de se assumir publicamente, vivia em constante conflito. «Achava-me uma lésbica no corpo de um homem, já que ainda me interessa por mulheres». Kroc tem três filhos, da relação que manteve com Lauren Kroczaleski, a mulher com quem se casou em setembro de 2010. E apesar de agora ser uma mulher, assume que ainda tem um pouco do velho Matt. «Queria esclarecer que, diferentemente do que dizem, não fiz a transição completa. Ainda tenho os dois géneros, e estou à espera que os meus filhos completem o Ensino Médio para avançar. E os meus filhos encorajam-me a ser quem sou. Os três são miúdos fantásticos e a ligação que temos é surreal». Levantou 1157 quilos, venceu cancro nos testículos, formou-se em farmácia, escreveu livros Além de culturista, tornou-se um ícone no halterofilismo, tem um recorde mundial, um recorde que está no Guiness por ter levantado o maior peso combinado da história: 1157 quilos. Foi fuzileiro na Marinha dos EUA entre 1991 e 1995, o corpo e o tamanho de Matt fizeram com que fosse eleito segurança da presidência da república entre 1993 e 1995, no mandato de Bill Clinton. Depois de deixar o Corpo de Fuzileiros Navais, entrou na Universidade Ferris, em Michigan, Estados Unidos, onde se formou em farmácia. Paralelamente ao trabalho como farmacêutico, escreveu alguns livros sobre exercícios físicos e posou como modelo para revistas Fitness - ´Powerfting EUA´, ´MuscleMag´ e ´Muscle & Fitness´. Mas a vida como campeão de culturismo não foi fácil. Para manter o ´corpo perfeito´ sofreu várias lesões, algumas delas graves, que exigiram reparações cirúrgicas. Mas a pior batalha que Matt superou, aconteceu em 2004 quando foi confrontado com o pior dos cenários – tinha cancro nos testículos. Parece que o venceu... ...