QUARTA-FEIRA, 25-05-2016, ANO 17, N.º 5961

mais do dia

Bélgica O Ministério Público (MP) belga anunciou, esta quarta-feira, que a polícia belga prendeu quatro suspeitos de recrutar terroristas para atuarem na Síria e no Iraque e afirmou ter encontrado «indícios» de um projeto de atentado no país. Os quatro foram acusados de «participação nas atividades de um grupo terrorista», informou à AFP o porta-voz do MP, Eric Van der Sypt.
Síria Ataques em áreas sob controlo do governo na província de Alepo fizeram, esta quarta-feira, pelo menos sete mortos, entre os quais dois menores de idade, avança a agência noticiosa síria (SANA). Segundo fonte da polícia de Alepo, três mulheres morreram devido a `rockets` «disparados por grupos terroristas» contra o distrito de Ashrafia, e, em Al Jalediya, os disparos contra casas mataram uma pessoa, sendo que outra morreu no bairro de Salahedin, com os disparos de um franco-atirador. Já seg
França Há dois dias que a França está a utilizar as suas reservas estratégicas de combustível, em resposta ao protesto de trabalhadores que estão a bloquear as refinarias e depósitos de combustíveis como forma de contestação à reforma laboral. O presidente François Hollande já veio a público tentar acalmar os consumidores e assegurou que tudo está a ser feito para garantir o abastecimento no país. No que aos protestos diz respeito, a policia utilizou canhões de água para dispersar dezenas de trab
Conteúdo inexistente.

destaques