Puigdemont questiona Juncker em manifestação em Bruxelas

Espanha 07-12-2017 16:10
Por Redação
O presidente destituído da Generalitat defendeu esta quinta-feira em Bruxelas que a «Catalunha é o melhor rosto da Europa» e perguntou ao presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, se já viu tantos milhares nas ruas a apoiar «criminosos».

No final de uma manifestação pela independência da Catalunha, Carles Puigdemont apelou a Juncker para que «a Europa se dê conta de que ainda pode desempenhar o seu papel» na crise catalã. O ex-presidente da Generalitat argumentou que as pessoas que encheram as ruas em Bruxelas «não são criminosos, mas sim democratas», deixando uma questão ao presidente da Comissão Europeia.

«Queremos uma Europa de cidadãos livres, que escute os seus cidadãos, além de escutar os Estados», afirmou Puigdemont que voltou a acusar a União Europeia de «dar apoio» a Rajoy.

Carles Puigdemont instou os manifestantes a irem às urnas no dia 21 de dezembro, nas eleições da Catalunha, «pela liberdade e pela dignidade».
Ler Mais

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais